STF censura sites que mostram Dias Toffoli nas planilhas da Odebrecht

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, mandou que fosse retirada do site O Antagonista e Crusoé a matéria sobre o presidente da corte, Dias Toffoli, delatado por Marcelo Odebrecht. A multa por descumprimento é de R$ 100 mil por dia. O ministro também exige que os responsáveis pelos sites prestem depoimento em até 72 horas.

A direção da revista reafirmou o teor da matéria e classificou como censura a decisão do ministro. Segundo a revista, o conteúdo foi enviado à Procuradoria Geral da República para que Raquel Dodge analise se quer ou não investigar o fato.

LeiaMais

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIO


Nos ajude a construir uma mídia independente, apoie o S1N7ESE e receba recompensas e vantagens por isso: clique aqui!


Conteúdo relacionado

Deixe um comentário
avatar
1000
  Se inscrever  
Notificação de
Próximo post