Lula, Palocci e Paulo Bernardo se tornam réus acusados de receber propina da Odebrecht

O ex-presidente Lula e os ex-ministros Antônio Palocci e Paulo Bernardo se tornaram réus sob acusação de recebimento de propina para beneficiar a empreiteira Odebrecht. O juiz Vallisney de Oliveira, da 10° Vara de Justiça Federal em Brasília, aceitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público.

Segundo a acusação, a Odebrecht prometeu a Lula, R$ 64 milhões em troca de favores políticos. Tudo isso ocorreu no ano de 2010. O governo Lula teria concedido o empréstimo de US$ 1 bilhão para Angola, através do BNDES.

LeiaMais

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIO

Nos ajude a construir uma mídia independente, apoie o S1N7ESE e receba recompensas e vantagens por isso: clique aqui!


Conteúdo relacionado

Deixe um comentário
avatar
1000
  Se inscrever  
Notificação de
Próximo post