Ataque de grupo terrorista liga à Al Qaeda faz 68 vítimas na Somália

Jihadistas do Al-Shabaab se ligaram à Al Qaeda em 2012

Ao menos 23 pessoas foram assassinadas e 45 ficaram feridas, após ataque terrorista do grupo jihadista Al-Shabaab, na noite de quinta-feira (28), em Mogadíscio, capital da Somália. Um caminhão-bomba foi utilizado pelos terroristas para explodir o hotel Maka Almukrama, localizado em uma rua bem movimentada do centro da cidade.

Segundo o comanda da polícia local, Abshir Isak, as operações de resgate das vítimas continuarão nesta sexta-feira (1).

LeiaMais

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIO

O Al Shabaab foi expulso de Mogadíscio em 2011, mas mantém um núcleo de grande influência na cidade e realiza ataques terroristas em diferentes pontos. O grupo se vinculo à Al Qaeda em 2012 e iniciou suas atividades terroristas no centro-sul da Somália.

O principal inimigo do Al-Shabaab é o Comando da África do Exército dos Estados Unidos da América, que tem combatido principalmente as atividades de extorsão como meio de financiar o grupo. Em 2018 houve 47 operações desse Comando americano contra os jihadistas, deixando 300 militantes mortos.


Nos ajude a construir uma mídia independente, apoie o S1N7ESE e receba recompensas e vantagens por isso: clique aqui!


Fonte: Veja

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário
avatar
1000
  Se inscrever  
Notificação de
Próximo post